Full width home advertisement

Críticas de Cinema

Destaques Tecnologia

Post Page Advertisement [Top]

     Aviso: Não sou de modo algum perito em literatura pelo que o exposto corresponde à minha opinião e pode conter SPOILERS, por isso procedam pela vossa conta e risco!


Imagem | Facebook Marvel Graphic Novels

Homem-Aranha
- Caído entre os Mortos
Argumento: Mark Millar
Desenho: Terry Dodson
Editora: Marvel
Editora (em Portugal): Salvat
Reúne: Marvel Knights Spider-Man #1-6
Nº Páginas: 160

Sinopse:
Alguém descobriu a verdadeira identidade do Homem-Aranha e pretende usar a informação para destruir tudo o que Peter Parker mais ama! Enquanto luta para proteger sua família e seus amigos da vingança de um misterioso e louco inimigo, o escalador de paredes é levado até seu limite absoluto e está perigosamente perto de cruzar uma linha que ele jurou jamais atravessar!
Imagem | Facebook Marvel Graphic Novels
     A segunda obra que apresento na série é relacionada com a minha personagem preferida de toda a ficção. O Incrível, Espetacular, Sensacional, Assombroso, Inacreditável e Superior Homem-Aranha. Para além disso, o livro foi lançado ainda este ano em Portugal e por ser o 1º volume de uma coleção dedica ao Cabeça de Teia, porque não falar deste "Caído entre os Mortos"?

     Sei que este é um livro bastante aclamado por muitas pessoas mas no meu caso não me chamou tanto à atenção. Sei também que a história não está completa neste volume (o 6º livro da "Coleção Definitiva do Homem-Aranha" - Herói da Resistência - é que completará a história ou completa porque já saiu) mas mesmo assim tem elementos que não são do meu agrado.

     A premissa da história é interessante e o seu desenvolvimento e as várias ramificações da mesma deixam-nos intrigados a querer saber como tudo vai acabar. É uma história mais pesada como seria de esperar do selo Knights mas o design de alguns personagens não me convenceu.
Imagem | Facebook Marvel Graphic Novels
     A começar pelo do Homem-Aranha, isto porque não sou apreciador dos olhos pequenos que o fato do mesmo apresenta na história. Assim como o design da Mary Jane, da tia May e da Felicia Hardy não creio que sejam os melhores. Para não falar do Doutor Octopus, que tem o design que mais me desilude. Os seus cabelos longos, o seu ar jovial e a sua "boa forma" física não combinam com o personagem no meu entender. Já o design do Peter Parker, do Eddie Brock, do Abutre, do Electro e do Duende Verde parecem-me bons e o do Norman Osborn e da Gata Negra muito bons. Não estou com isto a dizer que a arte é má, longe disso, simplesmente não é das que mais aprecio.

     Com tantas personagens na história poder-se-ia pensar que estes podem estar metidos à sorte na mesma, mas não é verdade. Cada personagem tem um papel (claro que maior ou menor) que se adequa à mesma e que faz prosseguir a história de maneira coerente. Apenas fiquei um pouco desiludido pelo desfecho da luta inicial entre o Homem-Aranha e o Duende Verde mas não sei até que ponto a derrota do vilão não faz parte do seu plano (daí faltar ler a 2ª parte da história). Mas a restante interação que este tem com o Homem-Aranha é interessante. Outro ponto que não me convenceu foi o lado bom/humano do Abutre que pareceu-me um pouco cliché.

     Um ponto positivo é ver Mark Millar a guiar-se pelos acontecimentos dos outros títulos do aracnídeo ao colocar o Peter Parker como professor da sua antiga escola, isto porque na linha Knights era dada maior liberdade aos escritores, mas é bom ver que este não ignora o que se passa à sua volta.
Imagem | Facebook Marvel Graphic Novels
     Assim sendo, de momento não estou a pensar comprar o volume que finaliza a história porque não me despertou tanta curiosidade como outras e porque estes volumes estão em português do Brasil. Creio que foi uma má jogada por parte da Salvat, visto que cada vez mais Bandas Desenhadas tem chegado a Portugal no nosso português, como por exemplo: Kick-Ass (também de Mark Millar), Ms. Marvel - Fora do Normal e Ms. Marvel - Geração Perdida ou as mais recentes coleções relacionadas com o Batman.

     Este primeiro volume comprei-o porque sendo um livro de capa dura e com um poster espetacular custa apenas €2,99, pelo que no meu entender vale a pena. Agora, a partir do próximo vai depender do quanto a pessoa goste da saga reunida no volume, seja a nível da história ou da arte.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib | Edited for Geekstorm